• Kadu Brandão

Com álbum acústico, Kattê se apresenta mais romântica e explica mudanças na carreira

Mudança no nome, estilo musical e tracklist do álbum foram assuntos da conversa com o Ih, Miga!

Foto: Divulgação

A cantora Kattê está pronta para mais uma lançamento da sua carreira solo. Desde que deixou a banda VoaDois em 2013, a baiana experimentou diversos estilos musicais, como Axé Music, Pagode e Sertanejo. Nesta sexta-feira (17), Kattê vai disponibilizar seu novo álbum, desta vez acústico, misturando hits do Axé e da sua carreira, além de canções consagradas do sertanejo.


Morando em São Paulo (SP) desde 2019, Kattê produziu o álbum na sala da sua casa durante a pandemia do coronavírus. Hits como "Mal Acostumado" (Ara Ketu) e "Evidências" (Chitãozinho e Xororó) estão no álbum que também conta com versões de "Amor Pirei" e "Denguinho", músicas de quando ela ainda comandava a VoaDois.


"Gravar o acústico era um desejo antigo e escolhi músicas que me emocionam, que me marcaram. Com a quarentena, resolvi gravar na sala de casa, com toda a segurança, para dar de presente aos meus fãs. Vai ser o primeiro álbum acústico, pois pretendo lançar o acústico 2", adiantou Kattê.


Questionada sobre a mistura de ritmos no álbum e a vertente da sua carreira solo em 2020, Kattê está disposta a mostrar um lado mais romântico para os seus seguidores.


"Eu sou uma cantora de raiz e sangue no axé. Nasci no Carnaval, mas a Kattê 2020 vem numa pegada mais romântica, principalmente por conta da minha influência como compositora, eu amo compor músicas românticas e tenho muitas. Era um desejo que tinha há um tempo de gravar as músicas", disse a cantora.


Segundo Kattê, no mercado musical da Bahia a possibilidade de gravar músicas mais românticas eram reduzidas, o que despertou na artista a necessidade de mudar para outro estado.


"No mercado da Bahia eu me via sem possibilidade de gravar essas músicas. Estava indo para um outro caminho. Resolvi me mudar para São Paulo para abranger a carreira também para o Sudeste, como tenho feito grandes eventos na região. Lá eu encontro mais possibilidades pra que eu faça esse lado mais romântico, que é um desejo e eu não estava fazendo aqui (em Salvador)", completou Kattê.


E por falar em mudança, o Ih, Miga! descobriu o motivo da cantora ter acrescentado mais um "T" em seu nome. Segundo Kattê, foi uma orientação numerológica.


"Eu adoro mudanças. Novo ar, desafios, me faz conhecer novas pessoas, a exemplo da mudança para São Paulo. A Bahia é o meu amor, mas São Paulo está no meu coração. E a mudança do nome para Kattê foi orientação numerológica mesmo. Já tinha sido orientada há um tempo, resisti, não quis mudar e, neste momento de 2020, eu resolvi mudar e acrescentei o T", explicou.


O álbum estará disponível em todas as plataformas digitais no primeiro minuto da sexta-feira (17).


Confira capa e tracklist do álbum:

Tracklist do álbum acústico:

Evidências

Não olhe assim

Mal acostumado

Leilão

Amor Pirei

Pode Chorar

Indecisão

Pisou em mim

Locutor


Ouça e siga Kattê no Spotify:


RECEBA MEUS EMAILS

  • TikTok
  • Branca Ícone Spotify
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • Branco Facebook Ícone

© por Kadu Brandão. Ih, Miga! - Desde 2016

  • TikTok
  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Spotify
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube